Home Sobre Nós

Sobre Nós

QUEM SOMOS

Tia Neiva

A
Doutrina do Amanhecer foi criada e implantada pela Clarividente Neiva Chaves Zelaya (Koatay 108). O movimento doutrinário e religioso, conhecido como “Vale do Amanhecer”, tem dois aspectos distintos, duas maneiras de ser visto: a primeira, é em sua origem remota, o caminho percorrido pelos espíritos que o compõem; a das circunstâncias que presidiram sua formação atual. Em primeira instância, trata-se de um grupo de espíritos veteranos deste planeta, todos com 19 ou mais encarnações, juramentados ao Cristo e que se especializaram no trabalho de socorro, em períodos de confusão e insegurança. Tais situações surgem, sempre, no fim dos ciclos civilizatórios, quando a Humanidade passa de uma fase planetária para a seguinte.

Esses ciclos, embora variáveis em termos de contagem do tempo, se apresentam à visão intelectual da História como tendo mais ou menos 2.000 anos. A cada dois milênios termina uma etapa e começa outra. Porém, por alguns séculos, as duas fases coexistem. Podemos tomar, como exemplo, o período que antecedeu o nascimento de Jesus e os três ou quatro séculos que se seguiram. Um exame acurado dos acontecimentos históricos registrados explica essa mistura de duas etapas. O mesmo está acontecendo em nossa época, desde o Século XVIII, em que o mundo como que explodiu em fantásticas conquistas sócio-econômicas, ao mesmo tempo em que começou a declinar no que poderia se chamar de “humanismo”. Esse fenômeno é particularmente verificável nesta Segunda metade do Século XX, no qual as conquistas científicas, por exemplo, coexistem com a desvalorização progressiva do ser humano.

A característica de nossa civilização atual é de descrença e desesperança nas instituições, nos marcos civilizatórios que regem nossas atitudes. Num paradoxo aparente, essa “morte civilizatória” produz na mente do Homem a ansiedade por bases mentais mais firmes, mais calcadas na imortalidade da civilização. A descrença nas instituições regentes leva à busca de instituições mais biológicas, seguras, mais transcendentais. Isso pode ser facilmente percebido pela procura atual de soluções religiosas e de novas formas do encontro com o espírito. Atender a essa necessidade é exatamente a finalidade e a missão desse grupo de espíritos que aparecem sob a égide do “Vale do Amanhecer”.

Sua missão é oferecer ao Homem angustiado e inseguro uma explicação de si mesmo e um roteiro para sua vida imediata. Para que isso fosse possível, e a missão cumprida com autenticidade, o trabalho não poderia ser feito seguindo-se as velhas fórmulas de religiosidade, considerando-se “velhas fórmulas” os documentos escritos, as revelações de iluminados, de profetas, das tradições, das doutrinas secretas e da dogmática de modo geral, empregada na base da fé e do medo.

A Doutrina do Amanhecer se sustenta nas premissas do Evangelho de Jesus, com o intuito de atender aos necessitados de apoio espiritual. Dessa maneira, os Templos do Amanhecer funcionam como verdadeiros pronto-socorros regidos pela Lei do Auxílio, que é a verdadeira caridade. Para continuidade da Doutrina após sua partida deste plano físico, Tia Neiva deixou em seu lugar  quatro Trinos Presidentes Triada (Tumuchy, Araken, Sumanã e Ajarã),  que formam com Koatay 108 o ápice da hierarquia piramidal do Amanhecer.  Após a partida dos Trinos Tmuchy, Araken e Ajarã, a condução da Doutrina ficou a cargo do Trino Sumanã.

TIA NEIVA
A CLARIVIDENTETia Neiva
(*30/10/1925 - †15/11/1985)

“Tia Neiva” (Neiva Chaves Zelaya) é a Clarividente do Vale do Amanhecer. Sua clarividência, porém não corresponde a mesma definição ou a ideia generalizada de como a Parapsicologia no-la apresenta. Essa quase-ciência só diz respeito à paranormalidade, que por sua vez é apenas a hipertrofia dos sentidos, efeitos da super-excitação por carência enzimática. A Parapsicologia na verdade nada tem haver com a vida espiritual. Tia Neiva é um Ser Crístico, uma missionária no mais amplo sentido, seguidora da escola de Francisco de Assis, mas que vive e age nestes tempos modernos, e buscou preparar o homem para o próximo Milênio. Para nós, seres comuns, é difícil, senão impossível, traçar um perfil ou definir o que é a Clarividência de Tia Neiva.


TRINOS PRESIDENTES TRIADA
TRINO TUMUCHYMário Sassi
(*29/11/1921 - †25/12/1994)

Trino representante da 1ª Raiz do Amanhecer, foi responsável pela divulgação da Doutrina.  Companheiro da Clarividente, o Trino Tumuchy caminhou ao lado de Tia Neiva em todo processo de formação da Corrente. Tido por muitos como o “intelectual” do Vale do Amanhecer, Mário Sassi traduziu a Doutrina trazida por Tia Neiva dos planos espirituais, possibilitando um melhor entendimento das bases abstratas do Evangelho e materializando a Doutrina no plano físico. O Trino Tumuchy foi o autor de praticamente toda a literatura da Corrente. Mário Sassi desencarnou em 25 de dezembro de 1994.

TRINO ARAKÉNNestor Sabatovicz
(†02/10/2004)

Trino representante da 2ª Raiz do Amanhecer, responsável pelas Leis da Doutrina do Amanhecer.  Executivo da Corrente, Nestor foi responsável juntamente com Trino Jaruã – Regente Arakén, Mestre Bálsamo pela Elaboração do Livro de Leis e Chaves Ritualísticas da Doutrina do Amanhecer. O Trino Arakén era conhecido pela objetividade e forma austera na qual lidava com as questões espirituais. Foi responsável pelos cursos de Centúria e Sétimo Raio no Amanhecer. O Trino Arakén atuou na Doutrina até o dia 2 de Outubro de 2004, data do seu desencarne.

TRINO SUMANÃMichael Hanna
(*04/12/1932 - †10/12/2020)

Trino representante da 3ª Raiz do Amanhecer. 1º Mestre Curador da Doutrina. A ação de sua força se faz presente em todas as vertentes da Corrente. Foi o último dos Trinos Presidentes Triada deixado pela Clarividente, a partir do plano físico. Como legítimo condutor da Doutrina do Amanhecer estabeleceu o Colegiado de Trinos a fim de garantir a condução da Doutrina pautada nos valores de céu. Sua atuação na Doutrina sempre foi marcada pela atitude pacífica e doutrinária. Sofreu perseguições e retaliações, porém, legitimou a hierarquia do Amanhecer por meio do Colegiado de Trinos.

TRINO AJARÃGilberto Zelaya
(*17/10/1946 - †27/11/2017)

Foi o Trino responsável pela Coordenação dos Templos do Amanhecer. O Mestre Gilberto Zelaya era o filho primogênito da Clarividente Neiva. Após o desencarne de sua mãe, o Trino Ajarã intensificou sua missão, desbravando os rincões do Brasil. Foi o responsável pelas grandes conquistas dos Templos do Amanhecer, levando aos mesmos uma série de trabalhos iniciáticos que anteriormente eram restritos ao Templo Mãe. Gilberto Zelaya expandiu a Doutrina a um quantitativo de mais de mil templos por todo o país e no exterior. O Trino Ajarã desencarnou e 27 de novembro de 2017.